Puglia, sul da Itália – Dicas e Roteiro Completo

Em 24/07/2016 por Fabi Gama

Ahhh o verão europeu!! Quem nos acompanha no Instagram @Loucosporviagem  viu que nós passamos dias incríveis na região da Puglia, sul da Itália esse mês. Foram duas semanas de viagem juntos com as amigas (e também colaboradoras aqui do blog) Juli e Vanessa. Nesse post vou mostrar todo nosso roteiro e dar as dicas e informações básicas. Depois vou escrever sobre cada uma das cidades que visitamos separadamente. Esse post é apenas para dar uma visão geral sobre a nossa viagem.

Porto Cesáreo perto de Gallipoli

Porto Cesáreo perto de Gallipoli

 

Nos ajude a manter o blog!!
Se você gosta das nossas dicas, nos ajude a manter o blog fazendo as reservas pelos links indicados. Recebemos uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso!
Todo o conteúdo aqui publicado é gratuito e nós precisamos da sua ajuda para manter o blog no ar. Nossos Links : Booking.com / Hoteis.com / Seguros Promo / RentalCars . Obrigada!!!!

 

Onde fica

A Puglia é uma região do sul da Itália localizada no “salto da bota”. Repleta de cidades charmosas e praias paradisíacas, é um destino perfeito para curtir o verão europeu.

Parte da região é banhada pelo mar Adriático (fica em frente à Croácia/Montenegro) e outra parte é banhada pelo mar Jônico. Visitamos vilarejos e praias e ambas as regiões da Puglia.

 

Resultado de imagem para mapa puglia

Resultado de imagem para mapa puglia

Parceria 

Para fazer essa viagem, nós contamos com o apoio do metabuscador KAYAK que nos forneceu duas passagens aéreas Rio/Roma/Rio (eu bem queria passagem só de ida, mas eles insistiram em nos dar as de volta também 😂).

Eu já falei sobre esse excelente site que tanto facilita a vida dos viajantes por aqui! O KAYAK é um buscador de viagens gratuito que apresenta ao usuário as melhores ofertas, compara preços e funciona como assistente de viagens. É o “Google” de viagens 😃

Duas das funcionalidades do KAYAK que eu mais gosto são a de “Previsão de Preços” (que recomenda você a comprar a passagem ou esperar um pouco mais) e a de Alerta de Preços!! Uso sempre!

Além disso, achei fantástico o app!! Baixem o aplicativo (gratuito) antes da próxima viagem e usem a função “trips” para deixar tudo organizadinho! Basta enviar todas as suas reservas de voos e hotéis para o e-mail Trips@kayak.com.br. Depois de um tempinho vai aparecer toda a sua viagem em ordem cronológica no app e com os dados importantes (horários dos voos, endereços dos hotéis etc). Achei sensacional porque o aplicativo informa se o voo estiver atrasado, o portão de embarque e suas alterações e ainda a esteira em que estarão disponíveis as bagagens no momento do desembarque. Não viajo mais sem!!!

Aqui no blog na página “Dicas úteis” eu contei mais sobre o KAYAK. Aproveitem também para acompanhar várias dicas e promoções bacanas no instagram @kayak_br.

Esse tipo de parceria é muito importante para nós blogueiros! Eu não ganho nada para escrever os posts super detalhados aqui para vocês, algo que me toma muito tempo (tempo que eu deixo de estar com meu marido, minha família, meus amigos, de ir a academia etc). Além disso, tenho um custo para manter o site no ar (pagamos pelo domínio, hospedagem, backup, programadora etc). Por isso, obrigada KAYAK!!

Obs1: eu sempre procuro parcerias de hotéis, cias aéreas, sites etc que eu efetivamente uso, gosto e recomendo!!!

Obs2: todas as demais despesas da viagem (carro, hotéis, alimentação, ferries, passeios etc) foram pagas por nós.

Porto Miggiano - Otranto

Foto: Porto Miggiano – Otranto

Como chegar

A capital da região é a cidade de Bari por onde chegamos de avião.

Nós saímos do Rio em um voo da TAP para Roma (com uma rápida conexão em Lisboa). Foram 9h30 do Rio a Lisboa e 2h30 de Lisboa para Roma.

Chegando em Roma pegamos um voo da cia aérea Alitalia para Bari (esse trajeto dura cerca de 1h).

O ideal teria sido viajar pela Alitália direto do Rio a Roma e de Roma para Bari, mas esse voo estava caríssimo, por isso optamos pela TAP.

Para fazer as simulações de voos (preços, horários) recomendamos o site do KAYAK – um buscador de viagens gratuito que apresenta ao usuário as melhores ofertas, compara preços e funciona como assistente de viagens. ➡️www.kayak.com.br

Chegando em Bari nós alugamos um carro pelo site da RentalCars para explorar a Puglia.

Mulino d`Acqua - Otranto

Mulino d`Acqua – Otranto

Nossas bases e hotéis

*Se você gosta das nossas dicas, nos ajude a manter o blog fazendo as reservas pelos links abaixo indicados (mesmo que em outros hotéis). Recebemos uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso!

  • Bari (1 pernoite) – Nós chegamos tarde em Bari e precisávamos apenas pernoitar para no dia seguinte pegar o carro alugado no aeroporto e seguir viagem. Não conhecemos a cidade de Bari (cidade grande e portuária, não nos interessou). Por isso, reservamos o hotel Villa Nicolaus – uma bela casa familiar, simples, perto do aeroporto, com quarto bem espaçoso e ar condicionado. Os donos são muito simpáticos e nos deixaram no aeroporto no dia do check-out para pegarmos o carro alugado.

 

  • Matera (1 noite) – localizada na região de Basilicata, fronteira com a Puglia. Ficamos apenas uma noite no hotel Residence San Giovanni Vecchio. O quarto era todo novinho, o hotel fica bem no centrinho da cidade antiga e tem um bom café da manhã. Usamos o serviço de um valet indicado pelo hotel para estacionar o carro. Pegaram e devolveram no hotel (custa 20,00 euros por noite). Outros dois hotéis muito bons em Matera são : Corte San Pietro e Locana di San Martino (esse tem uma piscina super legal). Em todos esses hotéis os quartos ficam em sassis (casas típicas de pedra de Matera).

 

  • Monopoli (3 noites) – nós ficamos no hotel Agriturismo Tenuta Chianchizza, a 5 minutos de carro do centrinho histórico de Monopoli. O hotel é bem simples, mas o quarto era espaçoso, bem equipado (ar, frigobar, tv), tem estacionamento mas o café da manhã é fraco. A outra opção era ficar em Polignano a Mare que fica a apenas 7 minutos de distância. Eu adorei as duas cidades. Em Polignano a Mare vale a pena se hospedar (ou pelo menos jantar) no Hotel Grotta Palazesse (no momento está em reforma, mas o restaurante está funcionando e é preciso fazer a reserva com antecedência).

 

  • Otranto (3 noites) – Hotel Villa Rosa Antico – achei esse hotel muito bom! Fica a uns 3 minutos de carro do centrinho histórico de Otranto. Os funcionários são simpáticos e nos ajudaram bastante na programação dos passeios. O quarto é espaçoso, confortável e renovado. Tem frigobar, ar condicionado e varanda. A área externa do hotel é agradável e charmosa. O café da manhã é ótimo.

 

  • Gallipoli (2 noites) – ficamos no ótimo B & B Anxa, localizado a 5 minutos de carro do centrinho histórico e a apenas uma quadra da praia. O dono era muito simpático e o quarto espaçoso, confortável e super novinho e bem equipado. O café da manhã também era muito bom.

 

  • Termoli (1 noite) – ficamos apenas uma noite em Termoli para seguir viagem até a Isole Tremiti, mas fomos gratamente surpreendidas. A cidade é uma gracinha! Nos hospedamos no Locanda Alfieri – quarto super moderno, espaçoso e confortável.

 

  • Isole Tremiti/ ilha San Domino (2 noites) – não há muitas opções de hospedagem nesse arquipélago. Nós ficamos no Hotel Éden – quarto espaçoso (meio antigo, mas com ar condicionado), o hotel oferece shuttle gratuita para o porto a cada 20 minutos, tem um bom café da manhã, elevador, uma área externa bonita e fica bem em frente a uma das melhores praias da ilha e bem pertinho do centrinho com os restaurantes.

Melhor época

A melhor época para visitar a Puglia é nos meses quentes, ou seja, de maio a outubro. Para quem realmente quer curtir praia (como foi o nosso caso) recomendo ir nos meses de junho e setembro. Embora a gente tenha ida em julho, nunca aconselho os meses de julho e agosto em nenhuma região de praia/ilha da Europa por ser altíssima temporada (além de ser tudo mais caro, fica muito cheio). Mas esse ano só conseguimos essa quinzena de julho para fazer a viagem e foi ótima! Um clima muito gostoso de verão europeu, tudo super movimentado, mas sem perrengue. Pena que algumas praias lindas estavam muito cheias.

Torre di Sant`Andrea

Torre di Sant`Andrea – Otranto

 

Fuso horário

De abril a outubro na Europa por causa do horário de verão o fuso na Itália é de 5 horas a mais que o horário de Brasília.

Idioma

Essa região da Itália é frequentada, basicamente, pelos próprios italianos. É muito raro ver/ouvir turistas de outros países por lá (brasileiro então nem pensar!).

Poucas pessoas falam inglês. Basicamente só se fala italiano, que por também ser uma língua de origem latina acaba sendo bem parecida com o português (claro que isso quando eles falam devagar rs!).

A Juli fala italiano e isso nos ajudou bastante, mas acredito que daria para se virar em inglês ou na mímica (já fui para outros lugares da sul da Itália onde poucos falam inglês e sobrevivi rs).

Locorotondo

Como se locomover

A melhor forma de explorar a região é alugando um carro.  Nós fizemos a reserva usando o site RentalCars. Nós fazemos muitas road trips e esse site é ótimo!! É muito fácil efetuar uma reserva (e também cancelar, caso necessário) e sempre encontramos os melhores preços. O site compila todas as grandes companhias de aluguel de carro (Hertz, Avis, Budget etc) e também locadoras locais. Já faz um tempo que só alugamos carro por meio dessa ferramenta que pertence ao mesmo grupo do Booking.com.

Para fazer sua cotação sem custo adicional (e nos ajudar a manter o blog), clique em RentalCars.

(*) Atenção : na hora de efetuar sua reserva pelo site da RentalCars não optar pelo seguro. Deixe para contratar o seguro oferecido diretamente pela locadora escolhida no dia da retirada do carro.

 

Rodamos com o carro por 1800 km e gastamos 100 euros de combustível (diesel). As estradas são boas e apenas a autoestrada é pedagiada. As estradas secundárias não são.

Os estacionamentos na Puglia, em regra, são pagos (tanto nas cidades quanto em algumas praias).

Por ser alta temporada, em alguns locais à noite tivemos mais dificuldade para estacionar, como em Monopoli e Gallipoli.

IMG_1894

 

Segurança

Achamos a região muito segura, acredito que por ser mais frequenta pelos próprios italianos e principalmente por famílias. Mas em se tratando de sul da Europa todo cuidado é pouco! Nunca deixe seus pertences sem vigilância ou à mostra dentro do carro estacionado.

Gastronomia

Na Puglia basicamente todos os restaurantes são especializados em peixes e frutos do mar. Até mesmo a maioria dos pratos de massa do cardápio são com frutos do mar, o que foi um pouco complicado pra mim, já que sou alérgica. Mas sempre tem  pelo menos uma opção sem frutos do mar, ou então, pode-se recorrer a tradicional pizza. Os queijos da região são muito bons. Os gelatos, então, nem se fala!

Em relação aos restaurantes achei os preços muito bons! Todos os dias nós jantávamos em lugares charmosos, com vista, boa comida, vinho e pagávamos uma média de 70 euros (para 3 pessoas). Quando optávamos por pizza, a conta dava cerca de 35/40 euros para nós três.

Ah! Em todos os restaurantes no sul da Itália (Sardenha, Sicília, Puglia…) é cobrada uma taxa pela simples utilização dos talheres, taças, azeite, cestas de pão (consumindo ou não) etc chamada “Coperto”.  Essa taxa é um valor por pessoa que, em média, custa 2,00 euros.

IMG_1651

IMG_0985

FullSizeRender (5)

Os lidos

As praias em todo o litoral da Itália são gratuitas a menos que você opte por passar o dia em lidos (espécies de beach clubs com estrutura, espreguiçadeiras, barracas, bar etc).

Na região da Puglia achei os preços dos lidos baratos (na Sardenha são bem caros na alta temporada).

Durante a viagem experimentamos dois lidos – um custou 5,00 euros por pessoa (só espreguiçadeira) e outro custou 20,00 euros com direito à duas espreguiçadeiras + uma barraca.

Mas atenção : nas áreas ocupadas por lidos só pode frequentar quem estiver pagando pelos serviços. Quem quiser praia gratuita tem que procurar por placas de “Spiaggia Libera”.

Alberobello

Foto: Alberobello

 

Roteiro dia a dia

 

  • 1° Dia – Saímos do Rio às 17h em um um voo da TAP para Roma com uma rápida conexão em Lisboa.

 

  • 2° Dia – Em Roma pegamos um voo da Alitalia para Bari, capital da Puglia. Chegamos em Bari às 20h e seguimos de táxi até o hotel  Villa Nicolaus, perto do aeroporto, onde pernoitamos.

 

  • 3° Dia – Pegamos o carro alugado às 9h30 na locadora do aeroporto de Bari e seguimos 68 km até Matera (menos de 1h). Check-In no hotel San Giovanni Vecchio, onde ficamos apenas 1 noite (suficiente). Dia em Matera.

 

IMG_0968

  • 4° Dia – Seguimos cerca de 1h de carro até a nossa base seguinte em Monopoli. Nós ficamos por 3 noites no hotel Agriturismo Tenuta Chianchizza.

 

DSC_7632

  • 5° Dia – Base Monopoli – conhecemos os vilarejos : Alberobello, Locorotondo, Ostuni e praia Pilone.

 

DSC_7517

  • 6° Dia – Base Monopoli – conhecemos Polignano a Mare (a 7km). Para ler o post clique aqui.

 

DSC_7278

 

  • 7° Dia – Seguimos por 2h de carro até nossa próxima base Otranto, na Puglia Salentina. Foi a nossa preferida!!! Conhecemos lugares belíssimos e as praias são lindas! Nos hospedamos por 3 noites no Hotel Villa Rosa Antico.

 

  • 8° Dia – Dia explorando de carro o litoral norte de Otranto. Para ler nosso roteiro em Otranto clique aqui.

 

  • 9° Dia – Dia explorando de carro o litoral sul de Otranto.

 

IMG_2187 (2)

  • 10° Dia – Passeio de barco privado pelo litoral norte de Otranto – fantástico!! Seguimos 50 minutos de carro até nossa próxima base : Gallipoli. Nos hospedamos por 2 noites no hotel B & B Anxa.

 

DCIM102GOPROG1442547.

  • 11° Dia – Dia explorando as praias do norte de Gallipoli de carro e depois seguimos até Leuca – cidade mais ao sul da Itália. Passamos também por Gagliano del Capo, onde fica a Ponte Ciolo. Para ler mais sobre Gallipoli clique aqui.

 

DCIM105GOPROG2934995.

  • 12° Dia – Passeamos pelo centro histórico de Gallipoli, seguimos 40 minutos até Lecce e depois foram mais 4h de estrada até Termoli, nossa próxima base e onde devolvemos o carro alugado depois de 10 dias. Em Termoli nos hospedamos apenas por uma noite no Locanda Alfieri , para no dia seguinte pegarmos o ferry para a Isole Tremiti.

 

  • 13° Dia – De Termoli pegamos o ferry para o arquipélago Tremiti (1h20 até a ilha de San Domino – nossa base). Compramos o ticket com antecedência pela internet. A shuttle do Hotel Éden já estava nos esperando no Porto. Não é possível levar carro até a ilha. Mas lá tem carro dos moradores e hotéis. A ilha San Domino tem 3,5 km de extensão por 1,5km. É bem pequena, sendo possível fazer tudo caminhando ou de barco.  A ilha tem um centrinho super charmoso e florido com vários restaurantes ao ar livre. Ficamos 2 noites.

 

DCIM105GOPROG3155412.

  • 14° Dia – Dia em San Domino (Isole Tremiti).

 

  • 15° Dia – Por causa do mal tempo os ferries foram cancelados e nós tivemos que fazer uma gincana para pegar nosso voo de volta ao Brasil (no post sobre esse arquipélago conto todos os detalhes).

 

  • 16° Dia – Voo Roma/Lisboa/Rio.

 

 

Roteiros personalizados

Preparamos roteiros personalizados na medida para você.

Gostou de alguma das nossas trips? Podemos adequá-la para suas férias. Que tal?

Solicite sua cotação pelo email contato@loucosporviagem.com

IMG_2542

Seguro Viagem

O seguro de viagem é um dos itens mais importantes da viagem! Eu não viajo sem! Ninguém está livre de ficar doente ou sofrer um acidente durante as férias. Imagine quanto isso pode custar em um país como Suíça, Eua ou Noruega? Além disso, o seguro é obrigatório nos países membros da Comunidade Européia (Tratado de Schengen). Eu, particularmente, não tenho coragem de viajar apenas com seguros oferecidos por cartões de crédito.

 

Aqui no blog você pode fazer a sua cotação pela Seguros Promo que possui várias seguradoras conveniadas. A vantagem é fazer a cotação on-line, ou seja em apenas um clique, você compara o custo x benefício das melhores seguradoras do mercado.

A contratação é on-line e você recebe a apólice por email. É possível parcelar em até 12x sem juros no cartão de crédito (parcela mínima de 40,00 reais).

Para fazer sua cotação clique AQUI e insira os dados solicitados (destino, período da viagem, nome, email e telefone). Logo em seguida vai aparecer uma lista com todas as seguradoras e os valores cobrados.

Leitores do blog tem 5% de desconto – basta inserir o código LOUCOSPORVIAGEM5.

Matérias sobre a Puglia:

 

Matérias sobre a Itália:

 

Mais roteiros para curtir o verão europeu:

 

Planeje a sua viagem:

Se você gosta das nossas dicas, nos ajude a manter o blog fazendo as reservas pelos links indicados. Recebemos uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso!
  • Booking.com - confesso que minha vida de viajante mudou depois da criação do Booking.com. Acho sensacional, sou fã de carteirinha! Todas as ferramentas do site são excelentes e sempre que tive qualquer tipo de problema fui prontamente atendida pelos funcionários (existe a opção de atendentes que falam português, o que é ótimo!). Nunca tive problema de chegar em um hotel e a minha reserva não estar lá (mas fechando direto com os hotéis isso já aconteceu). Clicando aqui você pode fazer suas reservas diretamente pelo nosso blog sem custos adicionais.
 
  • Hotéis.com - você também pode fazer sua reserva de hotéis pelo Hoteis.com. A vantagem é o parcelamento em até 12x sem juros.
 
  • O seguro de viagem é um dos itens mais importantes da viagem! Eu não viajo sem! Ninguém está livre de ficar doente ou sofrer um acidente durante as férias. Imagine quanto isso pode custar em um país como Suíça, Eua ou Noruega? Além disso, o seguro é obrigatório nos países membros da Comunidade Européia (Tratado de Schengen). Aqui no blog você pode fazer a sua cotação pela Seguros Promo que possui várias seguradoras conveniadas. A vantagem é fazer a cotação on-line, ou seja em apenas um clique, você compara o custo x benefício das melhores seguradoras do mercado. A contratação é on-line e você recebe a apólice por email. É possível parcelar em até 12x sem juros no cartão de crédito (parcela mínima de 40,00 reais).Para fazer sua cotação clique AQUI e insira os dados solicitados (destino, período da viagem, nome, email e telefone). Logo em seguida vai aparecer uma lista com todas as seguradoras e os valores cobrados. Leitores do blog tem 5% de desconto - basta inserir o código LOUCOSPORVIAGEM5.
 
  • Rentalcars.com - nós fazemos muitas road trips e esse site é espetacular!! É muito fácil efetuar uma reserva (e também cancelar, caso necessário) e sempre encontramos os melhores preços. O site compila todas as grandes companhias de aluguel de carro (Hertz, Avis, Budget etc) e também locadoras locais. Você pode fazer a sua reserva aqui no blog também por esse link sem custos adicionais.
 
  • Chip de internet no exterior - Graças ao chip de celular da EasySim4u nós estamos sempre conectados durante todas as nossas viagens internacionais. Eu recebo o chip em casa pelos correios e no avião já coloco no celular. Muito prático!!!! Quando chego no destino só preciso ligar o celular e pronto! A internet já começa a funcionar. Acho muito melhor do que desembarcar no destino e ainda ter que procurar por um chip. Já usei o chip da Easysim4u em vários países : Itália, Espanha, Suíça, Áustria etc. Para saber mais sobre como comprar e como funciona o chip clique AQUI para ler a matéria onde expliquei tudo. O plano para Europa é o DATA PLAN com SIM na opção de roaming 140 países. Os planos para países fora dos EUA e Canadá são apenas de DADOS, ou seja, não tem nem ligações e nem SMS. Seguidores tem frete grátis  com o cupom "LoucosPorViagem".Para adquirir, basta acessar o site clicando em : EasySim4u.
 
  • Ingressos - Reserve seus ingressos para as principais atrações turísticas do mundo todo com antecedência e evite filas. A GetYourGuide é a maior plataforma online do mundo para reservas de excursões e atrações turísticas. Para acessar o site clique AQUI.
Fabi Gama
Fabi Gama: Carioca, taurina, casada, 39 anos, advogada, louca por viagem, fotografia, chocolate e pela Grécia. Conhece o calendário de feriados de cor e salteado! Já carimbou seu passaporte em mais de 50 países e pretende conhecer muitos outros! Acompanhe as aventuras pelo instagram @loucosporviagem.
Gostou? Compartilhe!
  • Print Friendly, PDF & Email
  1. Juli

    Ótimo post resumo Fabi!!!
    Tem todas as informações. Show!

    Responder
    • quero de novo!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      Responder
      • Denise

        Oi Fabi!!

        Seu blog tem sido de grande e importante ajuda para nós. Iremos a Itália no final de maio. Dúvida entre Puglia ou Calábria será o final da nossa viagem. Teremos apenas 4 dias para um ou outro.
        Algum pitaco, eu te agradeço muito!

        Responder
        • Oi Denise, fico feliz em poder estar ajudando um pouquinho! Com 4 dias eu acho que faria Otranto na Puglia. beijocas

          Responder
  2. Patricia Moura

    Adorei todas as dicas e informações, pena que não dirijo…estou marcando uma viagem para Cartagena, se tiver dicas aceito todas! Um beijo

    Responder
  3. Paulo Fernandes

    Oi Fabi, voltei ontem da puglia. Agradeço a você por ter acompanhado no snap e você ter elogiado tanto Otranto, acabei mudando os planos pra passar mais tempo lá do que planejava. Pelo que acompanhei do que fiz diferente de vocês , deixo a dica do Lido TogoBay em Torre Lapilo em Porto Cesareo(20 a 30 euros). Melhor Lido que visitei. E deixo a dica de dormir ou visitar pelo menos duas noites em Ostuni. Culinária excelente (melhores restaurantes que fui na puglia) nas Osterias e clima muito bom da cidade.
    Abs.

    Responder
    • Que ótimo!!! Conseguiu fazer o passeio de barco por la? Obrigada pelas dicas, quem sabe um dia eu volto! Nós fomos a torre lapilo mas não ficamos em nenhum lido. Nós estivemos em Ostuni, mas não pernoitamos. Uma gracinha a cidade. beijos

      Responder
      • Paulo Fernandes

        Fiz sim o passeio pelo norte. Excelente! Ah. Esse valor que falei do Lido é para duas pessoas. Um guarda-sol e duas espreguiçadeiras.
        Abs

        Responder
  4. Isabela Dorna

    Fabi, amei o primeiro post e já estou ansiosa pelos próximos! O que você acha dessa região para lua-de-mel? Caso no início de maio/2017!
    Desde já agradecida pela atenção,

    Isabela

    Responder
    • Oi Isabela! Que bom que gostou! Com certeza vc vai encontrar lugares charmosos e românticos na Puglia. Mas para lua de mel eu ainda preferiria Grecia! Já pensou nessa possibilidade ou já conhece? beijos

      Responder
      • Isabela Dorna

        Oi Fabi, ainda não conheço a Grécia, mas morro de vontade de conhecer!! Você que já conhece ambos, os gastos são parecidos ou a Grécia é muito mais cara?Estamos na maior dúvida sobre o nosso destino de lua-de-mel…

        Responder
        • A Grécia ainda é um país com ótimo custo x benefício! Inclusive acho que você consegue hotéis melhores com valores mais baixos do que na Itália. Hospedagem na Itália é bem cara. Comida na Grécia tb é barata! Se eu fosse vc, por ser lua de mel, iria para a Grécia e deixaria Puglia para outra oportunidade 🙂 bjs

          Responder
  5. Juliana

    Oi Fabi, quantos lugares incriveis … acabei tendo que tirar Turquia do meu roteiro e coloquei Puglia no lugar, graças ao seu relato … muuuito obrigada!!!
    Estaremos na Grecia (Atenas, Santorini e Mykonos), depois temos 4 dias em Puglia, partimos para Veneza, Toscana, Costa Amalfitana e Roma … Onde vc sugere que eu me hospede? Otranto? Se não alugarmos carro, será muito ruim? Muuuito obrigada! Bjos

    Responder
    • Oi Juliana! Que bom! Fico feliz que esteja gostando! Qdo é a sua viagem? Como você tem pouco tempo, acho que o melhor seria fazer base em Otranto mesmo. Foi o lugar que mais gostamos na Puglia. Nós consideramos carro é essencial para essa viagem… beijos

      Responder
      • Juliana

        Oi Fabi, vou agora em setembro 🙂
        Decidi ficar em Otranto, por 3 dias, aluguei um carro também. Quais lugares vc considera imperdivel para eu conhecer? É tudo bem fácil de chegar? Muito obrigada! Bjos

        Responder
  6. Parabéns pela publicação, completíssima, com várias dicas, informações úteis e lindas fotos.

    Parabéns

    Responder
  7. Luiza

    Oi, estou mandando e-mail p vc para um roteiro personalizado mas voltou duas vezes. Ainda está fazendo? Obrigada

    Responder
  8. Carla Tabacow

    Adoro o blog de Vcs……..parabéns!!!!!

    Preciso de uma ajuda, estou indo para a Puglia agora em setembro e vou ficar 2 noites em Matera.

    Vi no site, que Vcs usaram um serviço de Vallet para pegar o carro no hotel e depois devolver por 20 euros a noite. Vocês teriam o contato desse valet??

    Pelo que eu entendi, Vcs foram até o estacionamento e depois o carro do próprio os levou para o hotel, é isso?

    Estou um pouco apreensiva com isso, pois sei que não entra carro em Matera e estou preocupada como levar as malas …..

    Vcs podem me ajudar com a dica.

    Muito obrigada.
    bjs

    Responder
    • Oi Carla! Vc não precisa se preocupar! Foi bem tranquilo. O próprio hotel chamou uma pessoa do estacionamento Damasco para levar nosso carro. O site é http://www.autoservizidamasco.com/dove-siamo.html

      Foi um pouco enjoado chegar até o nosso hotel pq rodar de carro em centro histórico é sempre ruim, mas com Google maps/gps ou perguntando vc chega . Bjs

      Responder
      • Carla Tabacow

        Fabi,

        Super obrigada!!!! Vc me ajudou muitoooooo!!!! Eu achei que no centro histórico não pudesse entrar carro…agora ficou tudo mais tranquilo. Chegamos até o hotel e chamamos o pessoal do estacionamento Damasco. Obrigada!!! bjsss

        Responder
  9. Viajante

    Viajarei para Europa de novembro a dezembro (passagens já compradas) e estou com dúvidas quanto ao planejamento da minha viagem. Eu pretendo passar por Itália, Inglaterra e Portugal. Porém, só tenho a intenção de resolver hospedagem e passagens de avião/trem entre os países da Europa quando tiver chegado lá.

    Não resolverei esses problemas antes de chegar pois encontrarei um amigo meu italiano e combinamos de definir nosso roteiro apenas quando eu tiver chegado em Roma. Acha que isso pode tornar a minha viagem mais cara? Acha que eu devo resolver esses problemas antes de chegar à Europa, mesmo com o continente em baixa temporada nessas datas?

    Responder
    • Oi Davi! Certamente vc consegue tarifas de trem e de voos low cost mais em conta se comprar com antecedência. Quantos aos hoteis, por ser baixa temporada, acho que dá para fechar em cima da hora sem pagar a mais por isso. Eu não gosto muito de viajar nesse esquema… prefiro já ir com roteiro pré-definido para nao ter surpresas. Mas isso aí é questao de estilo de cada um! Boa viagem!

      Responder
  10. Talitha

    Oi, Fabi. Estava lendo sobre a Sardenha, em que até te fiz uma pergunta sobre praias para crianças pequenas, e me deparei com os seus posts sobre a Puglia, outra região que estamos em dúvida para as férias do ano que vem. Vc acha melhor as praias da Puglia para criança de 2 anos e meio ou as da Sardenha? O que é mais acessível? Obrigada mais uma vez. Beijos

    Responder
  11. Pamela

    Olá Fabi! Tudo bem? Gostaria de saber se final de Outubro eu ainda consigo pegar praias na região de Puglia. Obrigada. Beijos!

    Responder
    • Oi Pamela! Eu acredito que não! O ideal é mesmo (no máaaaaaximo) até meados de outubro. beijos

      Responder
  12. Rosane

    Olá Fabi, adorei as dicas, tudo muito detalhado e também a franqueza com relação ao patrocínio. Me pareceu que somos amigas antigas! Estamos indo agora em fevereiro e início de março. Sabemos que não é a melhor época, mas não gostamos muito de sol e adoramos o mar em qualquer estação. Já olhei os hotéis que tu indicou…obrigada

    Responder
    • Oi Rosane! hahahahaah que bom que gostou de tudo! :). A ajuda do Kayak em termos financeiros foi até pequena perto de tudo que efetivamente gastamos durante essa viagem (hotéis, alimentação, aluguel de carro, ferries etc) mas qualquer ajuda é bem vinda, afinal existe um custo para manter o blog no ar e muito tempo e dedicação para alimentá-lo com qualidade para vocês. Beijao, boa viagem e na volta me conte como foi essa época por la!

      Responder
  13. Oie.. encantada com o lugar e a cor do mar.. Recomenda ir sozinha ?

    Responder
    • Oi Ana! Em que época do Ano vc pretende ir? fomos no verão e havia muito movimento, especialmente de familias. Achei seguro, claro que como em qqer lugar do sul da Europa é preciso ter cuidado com furtos, mas não alem do normal. beijos

      Responder
  14. […] região e dicas de posts de colegas blogueiros que já estiveram por lá: um roteiro de 13 dias no Loucos por Viagem incluindo muitas praias; um roteiro de 12 dias por cidades feito pela Deyse, no Itália para […]

    Responder
  15. Andréa

    Fabi nesse seu roteiro de 13 dias, englobando tudo (passagens, aluguel de carro, hospedagem, alimentação e passeios) vc gastou aproximadamente quanto? Achei muito interessante a Puglia e pretendo fazer esse roteiro com minha filha (somente pretendo diminuir um pouco a quantidade de dias).

    Responder
    • Oi Andrea! A Puglia é uma região um pouco mais barata que outras da Itália. A nossa viagem saiu cerca de 7.000,00 reais por pessoa com tudo 🙂

      Responder
    • Vera

      Roteiro bem elaborado e região muito pitoresca! Parabens! So que sou uma daquelas aventureiras que viaja só e sair dirigindo por aí complica.Estou preparando uma viagem à Grecia.Que roteiro me sugere?Agradeceria muitissimo algumas dicas.Obrigada!!

      Responder
      • Oi Vera! tem muitos posts sobre a Grecia aqui no blog! da uma lidinha! bjs

        Responder
  16. Tatiana

    Oi fabi , muito bacana seu relato e suas dicas , estou indo pra Itália em outubro e estou em dúvida entre costa amalfitana e plugia , não conheço a Itália eh minha primeira vez , o que me sugere ?

    Responder
    • Oi Tatiana! Acho que para outubro talvez seja melhor a Costa Amalfi, pois na Puglia é basicamente praias e não vai estar mais tao quente. Ja na costa amalfi vc vai poder curtir as cidades super charmosas. Mas tenha em mente que a costa amalfi é mais cara que a puglia. bjs

      Responder
  17. Rosangela

    Ola. Adoro seu posts!!!!deixa te perguntar. Como vc voltou para o aeropirto.de termoli. Estou programando seguir esse roteiro.

    Responder
  18. Rosangela

    Fabi lindo post! Como vc foi de tremiti para o aeroporto . Seu voo partiu de Bari?

    Responder
    • Oi Rosangela! Tivemos um problema com o tempo e ficamos presas nas ilhas. Saímos de la de helicóptero, depois pegamos um trem até Bari e de Bari alugamos um carro para não perdermos nosso voo que saia de Roma. Dirigimos a madrugada toda pois não havia mais trem nem voo saindo de Bari para Roma. beijos

      Responder
  19. Juliana

    Que lugar mágico, Fabi!!

    Tenho lido seu blog, e me inspirou a conhecer a Puglia tb!!
    Mas preciso te perguntar: onde você comprou essas bóias maravilhosas?? Ficaram lindas nas fotos!!!! 😉
    Bjinhoooooos**

    Responder
  20. Marcelle Garrido

    Nossa eu amei essa matéria, confesso que não conhecia nada dessa região… fiquei encantada. Vou a Itália em lua de mel no mês de outrubro desse ano (nuca fui a Itália) e claro que no meu roteiro estão os clássicos Roma, Florença e Veneza… gostei tanto da matéria de vcs que fiquei pensando em estender mais 3 dias de viagem pra conhecer Puglia… é possível fazer isso em apenas 3 dias, em que devo focar? o que me recomendam?? Obrigada

    Responder
    • Que bom querida! Foca em Otranto! foi o lugar q mais gostamos beijos

      Responder
  21. Julia

    Oi Fabi! Tudo bem? Vc acha que vale a pena fazer um roteiro de 5 dias pela regiao ou é melhor deixar pra outra vez, quando eu tiver mais tempo?
    Obrigada!

    Responder
    • Oi Julia! Se vc for para ficar apenas 5 dias, foque na região de Otranto que é a mais bonita! com 5 dias da pra vc aproveitar um pouco sim! ai vc tem q avaliar se vai ter outra oportunidade melhor ou se ja aproveita essa. se for depois me conta como foi. bjs

      Responder
  22. Flavia

    Fabi, tudo bem? As dicas são fantásticas e vou programar minha ida em Maio para lá, tenho um filho com 5 anos, acredita que será divertido para ele? Outras dúvidas, em relação a atendimento médico, como é? Uma vez que vou com criança e nossa habilitação é válida lá? Desculpe nunca viajei pela Europa.

    Obrigada!

    Responder
    • Oi Flavia! Tudo bem? Obrigada! 🙂 Te peço desculpas mas realmente não sei informar sobre atendimento médico já que não fiz uso de medico, nem de hospital. Seria bom você checar com o seu plano internacional se há atendimento por lá. Qto a habilitação internacional não é obrigatorio na italia, mas sempre acho bom ter. A maior parte das praias la é de pedra… acho que pra criança é melhor lugares como Sardenha com praias de areia. Em maio ainda deve estar mais fresco… bjs

      Responder
  23. Monica

    Oi Fabi! To montando um roteiro de 3 semanas de carro pelo sul da Itália em Junho entrando por Bari, fazendo a Puglia até Tropea. Vc acha que vale a pena seguir até Palermo e sair por lá ou é muita informação e o ideal seria voltar para Bari? Te agradeço. Bjs, Mônica

    Responder
    • Oi querida! Acho que é bastante coisa mas te indico o site http://www.viamichelin.com para dar uma olhada nas distâncias e ver o que compensa mais : seguir até Palermo ou voltar a Bari. Tb tem um aeroporto perto de tropea, mas as passagens costumam ser mais caras. bjs

      Responder
  24. Rosana

    Oi Fabi! Vou pra Itália em julho e já me senti lá lendo suas matérias! Ficarei 20 dias e reservei os últimos 5 para a região da Puglia e Costa Amalfitana. Estarei com marido e filhos de 11 e 13 anos. O que vc considera imperdível? Obrigada! Bjs

    Responder
    • Oi Rosana! O melhor seria focar na região de Otranto! 5 dias para fazer Puglia e Costa Amalfi eh muito pouco na minha opinião. beijos

      Responder
  25. Priscila

    Oi Fabi! Estava decidida ir para Sicília até ler esse seu relato sobre a Puglia. Agora estou na maior dúvida. Tenho 10 dias em julho. Quero praia e boa gastronomia. Qual indica?

    Responder
    • Oi Priscila, as duas opções são igualmente bacanas! os 2 tem praias boas e restaurantes legais! 10 dias pra sicilia eh meio corrido. bjs

      Responder
      • Priscila

        Oi Fabi! Decidi ir para puglia. É melhor entrar e sair da região por bari de avião? Ansiosa pelo post 6. Obrigada

        Responder
        • nós usamos o aeroporto de Bari pq os voos eram melhores e mais baratos. Mas so pesquisando para comparar na época da sua viagem. bjs

          Responder
  26. Estou querendo ir em maio de 2019…sobre hostel, é arriscado???

    Responder
    • Arriscado, como assim? eu não fiquei em nenhum hostel por la então não posso opinar mas não entendi pq seria arriscado. bjs

      Responder
  27. Mariana

    Oi Fabi, tô adorando teu blog! Tenho 9 dias pra viajar na Itália, primeira semana de julho, e quero ir pro sul, sendo que já conheço a Sicília (amei!). Quero praias maravilhosas, mas se tiver lugares interessantes junto, com bons restaurantes e alguma estrutura, é sempre uma boa. Entre Calabria, Puglia e Sardenha, o que vc escolheria? Obrigada, Mariana

    Responder
    • Oi Mariana, tato a Puglia qto a Sardenha são lindas e tem ótima estrutura. Na Calabria so conheço a Tropea que adorei! mas como vc tem 9 dias melhor Sardenha (norte) ou Puglia mesmo

      Responder
  28. FLAVIA

    OLA FABI , DE ROMA ATE ESSA CIDADE É VIÁVEL DE TREM ?
    SE TIVESSE QUE ESCOLHER APENAS UM “VILAREJO” NESSA AREA DE BARI QUAL SERIA O MAIS BACANA ?
    MEU ROTEIRO É MEIO DOIDO TEREI 20 DIAS E QRO FZ ROMA, PISA, FLORENCA, CAPRI E VENEZA E AO VER ESSE POST ENLOUQUECI RSSS

    Responder
    • Oi Flavia! Só mesmo conferindo no site de trens da italia para saber se eh viável, os horários e o tempo de deslocamento. como fiz de avião não sei te dizer. Quanto ao vilarejo, sem duvida escolheria Otranto. bjs

      Responder
  29. Marise

    Ola Fabi, estou indo para Italia em maio e visitarei a Puglia.Vc acha viavel fazer uma base em Bari e fazer bate e volta para visitar Polignano, Alberobello, Monopoli, Lecce, Leuca , Mattera etc?Obrigada,

    Responder
    • Querida, para saber as distancias e tempo de deslocamento eu uso o site http://www.viamichelin.com . Faz umas simulações e vê se vc acha que da pra fazer isso! ta longe de ser a melhor opção, mas… beijos

      Responder
  30. Priscila

    Ola! Ficaremos 5 dias inteiros na Puglia, chegaremos e voltaremos de Bari. Não vamos conseguir fazer tudo o que vcs fizeram, onde deveríamos dar prioridade? Queremos praias e lugares low profile, encantadores! Obrigada 🙂

    Responder
    • Oi Priscila! Nossa base preferida foi em Otranto! Dá uma lidinha na matéria de la com todos os passeios e praias que fizemos. bjs

      Responder
  31. Fernanda

    OLa, Fabi!
    Muito obrigada pelo post. Ameeeei as dicas! Quero saber uma opiniao bem pessoal… tenho muito medo de aproveitar pouco a alta temporada do verao europeu. Infelizmente esse ano tenho que viajar em agosto. Estou ate pensamdo em conhecee paises bem diferentes pra evitar altas multidoes. Mas, me pareceu que, apesar de cheia, a regiao da Puglia eh mais cheia de italianos- o que é melhor do que uma regiao mais munfialmente conhevida como a costa amalfitana. Essa regiao eh menos lotada do que as mais conhecidas? Vcs deixaram de aproveitar algo por causa da epoca? Beijos e suuper o rigada!! Nanda

    Responder
    • Oi Fernanda, nós fomos na alta temporada porem em julho! Estava cheio mas nada que atrapalhasse. Com certeza agosto eh bem mais cheio sim, ainda que so de italianos! bjs

      Responder
      • Thais

        Olá Fabi, tudo bem?
        Você acha que setembro ainda está agitado? Bom clima para praia?

        Responder
        • Oi Thais, setembro é um mês bem mais calmo e mais barato mas ainda esta calor e da para curtir praia. Eu adoro junho e setembro bjs

          Responder
  32. Vera

    Qual foi o itinerário de volta para Brasil, e de onde foi a saída

    Responder
    • Oi! Fizemos Rio/Lisboa/Roma/Bari e voltamos pelo caminho inverso bjs

      Responder
  33. Marcia

    Oi Fabi, preciso de uma ajudinha, eu e meu marido estamos indo para a Italia em novembro, onde passaremos 30 dias! Temos muita vontade de conhecer Malta, entao resolvemos colocar 4 dias inteiros em Malta, depois da Costa Amalfitana! Mas agora surgiu uma duvida, PUGLIA OU MALTA? O que voce aconselha??
    Muito obrigada, Marcia

    Responder
    • Oi Marcia, tudo bem? Os dois destinos são incríveis, mas Puglia em novembro não sei se vale muito a pena. Já não vai dar para pegar praia. Em malta tem outros atrativos além de praia. Mas em 30 dias da pra fazer bastante coisa na Itália! Vão ate as Dolomitas? beijos

      Responder
  34. Marcia

    Obrigada Fabi!!! Vamos chegar por Milao! Faremos Milao, Veneza, Verona, Lago di Como, Lago di Garda, Bologna, La Spezia, Toscana, Roma, Costa Amalfitana! Ai incluiriamos 4 dias em Malta! O que voce acha? Alguma sugestao?
    Obrigada!!!

    Responder
  35. Ellen

    Oi Fabi! Gostaria de informações sobre os passeios que fizeram. Indicam alguma empresa? Quanto custou em média? Estou indo em setembro e vou fazer um roteiro muito parecido com o que você fizeram.

    Obrigada!!

    Responder
  36. Magda

    Olá, Fabi, passarei duas semanas na Itália, e ao ler sua matéria sobre Puglia mudei o itinerário, Sardenha. Minha dúvida: já alugar carro em Roma ou voardireto p Bari? Qto.tempo de carro? Vale conhecer, sem usar auto-estrada? Obrifada

    Responder
  37. Thais

    Olá, Adorei as dicas de Puglia. Pretendo ir em setembro, gostaria de saber os lugares para sair. Tem baladinhas?
    Obrigada

    Responder
    • xiiiiiiiiiiiii thais, sorry mas isso não sei te dizer! não fomos nem procuramos por balada na PUglia bjs

      Responder
  38. Olá, adorei as dicas da matéria, estou pensando em programar uma viagem para esse destino . Quanto vc acha necessário mais ou menos separar em euro para passeios, hospedagem e alimentação? Obrigada

    Responder
    • Oi Stefany! isso eh muito pessoal! praias são de graça, alimentação em regra eh barata e hospedagem depende da categoria de hotel que vc vai pegar! precisa dar uma pesquisada nas datas que vc vai viajar bjs

      Responder
  39. silvia vilas boas

    Olá Fabi, adorei essa viagem. Pergunto: quantos dias é preciso para curtir a região sem correria? Curtindo cada lugar…em Alberobello gostaria de conhecer as fabricas de burrata, por ex,
    E o total de gasto com passagens , estadia, alimentação?
    Se não alugar carro, tem como fazer esses passeios com condução local?

    Responder
    • Oi silvia! Não usei o transporte publico por isso não posso falar, mas não contaria com isso para conhecer a região. Qto aos valores, não eh uma região cara, mas lembre-se que eu fui em 2015 muito antes do euro chegar ao patamar atual de quase 5 reais! As praias são de graça. comida eh barata, hotel depende da categoria que vc vai se hospedar, mas na faixa de 100 euros por dia vc consegue um hotel bom (tudo depende tb da época do ano que vc pretende ir). em relação aos dias, coloquei o numero de dias necessário em cada local nos posts do blog. beijos

      Responder
Deixe seu comentário: