Anguilla e as praias mais bonitas do Caribe

Em 16/06/2016 por Fabi Gama

MATÉRIA ATUALIZADA EM 12/05/17

Em maio/16 fizemos uma viagem deliciosa por três belíssimas ilhas do Caribe : St. Martin, St. Barth  e Anguilla. Cada ilha tem características diferentes e, por isso, incluir as três na mesma viagem é uma ótima idéia. No primeiro post eu expliquei toda a logística do nosso roteiro. Para ler, clique aqui.

Já estivemos três vezes em Anguilla. A primeira vez foi em agosto/09 em um daytrip a partir de St. Martin e ficamos apaixonados! No final de maio/16 voltamos para ficar 4 noites na ilha e esse ano (maio/17) ficamos 8 noites só em Anguilla. Mas já sei que na próxima viagem pretendo ficar pelo menos 10 dias! Anguilla é um verdadeiro paraíso com praias incríveis e vazias, ótimos hotéis e restaurantes.

Meads Bay

Onde fica 

Anguilla é uma ilha pequena, plana e faz parte do território britânico. A ilha é bem simples e não tem todo o glamour de St. Barth, mas com certeza tem as praias mais lindas das três ilhas e, talvez, até mesmo de todo o Caribe.

Hoje Anguilla tem alguns excelentes hotéis de luxo como  Zemi Beach House Resort no qual já nos hospedamos duas vezes (o hotel abriu há cerca de 1 ano), o tradicional Cap Juluca que tem o selo da Leading Hotels of The World, o hotel boutique super charmoso Malliouhana, o impecável recém inaugurado Four Seasons, o luxuoso e também tradicional CuisinArt e o novíssimo The Reef by CuisinArt no qual nos hospedamos por quatro noites. Os demais hotéis/pousadas são mais simples. Também há muita opção de villa para alugar em Anguilla.

Aproveitem para visitar a ilha agora, enquanto não é tão conhecida e explorada. Pois em um ano já senti bastante diferença, principalmente em relação a novos hotéis como o Zemi Beach House, Four Seasons e The Reef.

Com a chegada de novos resorts, a tendência é que a ilha receba cada vez mais turistas. Mas por ora Anguilla continua tranquila e paradisíaca (amo as praias vazias de lá!), pelo menos fora da alta temporada, que vai de dezembro a abril, quando os americanos invadem a ilha.

DCIM353GOPRO

Shoal Bay East

DCIM353GOPRO

Shoal Bay East

Como chegar

O aeroporto mais próximo de Anguilla que recebe voos internacionais de vários lugares do mundo (Eua, Europa, Canadá, Panamá etc) é o da ilha vizinha Saint Maarten/St.Martin (a sigla do aeroporto é SXM). A partir de lá é possível chegar de ferry ou avião de pequeno porte em Anguilla.

Em maio/16 o nosso voo foi Rio de Janeiro/Cidade do Panamá/St.Maarten pela Copa Airlines. No post 1 expliquei que, como o trecho Rio/Panama foi feito em um voo diurno e a continuação dele até St. Maarten só saía no dia seguinte, tivemos que pernoitar na Cidade do Panamá.

Já em maio/17 fizemos um voo noturno da Copa Airlines que saiu do Rio de Janeiro de madrugada, com 7h de duração até a cidade do Panamá, onde fizemos uma rápida conexão e embarcamos (praticamente imediatamente) por mais 2h30 até St. Maarten. Ao chegar em St. Maarten já havia uma pessoa da empresa de ferries Calypso nos aguardando. Seguimos de táxi até o porto, que fica literalmente a dois minutos do aeroporto e de lá seguimos num ferry direto para Anguilla (25 minutos). É preciso fazer imigração no porto de St, Maarten (saída da ilha) e no porto de Anguilla (entrada na ilha). Para ler a matéria sobre nossa experiência nas classes econômica e executiva da Copa Airlines clique em : Como é voar de Copa para o Caribe.

Outra opção é chegar em St.Maarten via EUA. Há muitos voos saindo de várias cidades dos EUA para lá. O melhor no nosso caso seria saindo do Rio fazer via Miami. Mas a conexão é bem mais demorada (é preciso aguardar 5h no aeroporto, enquanto indo de Copa Airlines via Panamá a conexão é super rápida).

Em 2016 ficamos apenas uma noite em St.Martin no fantástico hotel Belmond La Samanna, porque já conhecíamos bem a ilha, mas nos arrependemos! Valia a pena ter ficado 3/4 noites em St. Martin antes de seguir viagem para St. Barth  e Anguilla.

A partir de St.Martin é possível seguir para Anguilla de ferry ou de avião.

Há, basicamente, três opções :

  • Pegar um táxi do aeroporto internacional de St. Maarten até a estação de ferries em Marigot, capital do lado francês de St. Martin (esse trajeto leva cerca de 20/25 minutos). Há um ferry regular saindo de Marigot até Anguilla. Esse ferry Marigot (St.Martin) – Anguilla sai com frequência e o trajeto dura cerca de 20/25 minutos (não precisa comprar com antecedência, basta chegar no terminal de ferries e aguardar o próximo). Para mais informações clique aqui. Em Anguilla pegar um táxi até o hotel ou já alugar um carro no porto.

 

  • Pegar um ferry charter com a empresa Calypso que sai do aeroporto de Saint Maarten direto para Anguilla. O trajeto é super rápido, dura cerca de 25 minutos. Sai um pouco mais caro do que o ferry regular, mas compensa pela comodidade. Nós usamos esse charter no nosso retorno de Anguilla para St. Maarten na viagem de 2016 e na ida e na volta na viagem de 2017. Pegamos um táxi do hotel Zemi Beach para a estação de ferries (30,00 dólares). De lá, pegamos o ferry charter da Calypso que nos deixou direto no aeroporto em St. Maarten. Foi o concierge do hotel Zemi Beach House Resort & Spa que providenciou. Custou 65,00 dólares por pessoa mais taxas de embarque e portuárias (28,00 dólares por pessoa). Chegando em St. Maarten havia um táxi nos esperando para nos deixar no aeroporto (que fica a 2 minutos de carro do desembarque do ferry). Esse táxi já estava incluído no valor pago. Para entrar no site da empresa Calypso clique aqui.

 

  • O voo entre St. Maarten e Anguilla dura apenas dez minutos e o voo entre St.Barth e Anguilla dura cerca de 12 minutos. A cia aérea que voa esses trechos é a Anguilla Air. A passagem não é barata, por isso, vale mais a pena o ferry.

 

Nós voamos de St. Barth para Anguilla pela Anguilla Air. O avião era bem pequeno (um teco teco meio antigo) e só havia nós dois de passageiros mais o piloto. Confesso que senti um certo medo, mas como não existe ferry direto de St.Barth para Anguilla, ir de avião era a opção mais rápida. De ferry teríamos que pegar 2 ferries – de St. Barth para St. Maarten e depois de lá para Anguilla. Sairia mais barato, mas demoraria bem mais.

DCIM354GOPRO

Meads Bay

DCIM353GOPRO

Shoal Bay East

 

Documentos necessários

Todas as vezes que a gente sai de uma ilha em direção à outra, seja por via área ou marítima, é preciso apresentar o passaporte e passar pelos procedimentos de imigração.

Anguilla não exige visto para brasileiros, bastando apenas a apresentação do passaporte válido.

Também não nos pediram o comprovante da vacina contra a febre amarela em nenhuma das ilhas, mas por segurança nós sempre levamos conosco.

Atenção : o Panamá está exigindo o comprovante internacional da vacina contra a febre amarela apenas para brasileiros que desembarquem no Panamá. Se você vai fazer somente uma conexão como foi o nosso caso em maio/2017 não é necessário. Mas eu recomendo fortemente que vocês tomem a vacina e andem sempre com o certificado internacional por segurança!!!! Essas medidas podem mudar de uma hora para outra!

DCIM354GOPRO

Little Bay

DCIM353GOPRO

Shoal Bay East

 

Melhor época 

A alta temporada vai de dezembro a abril (inverno), pois é a época mais seca. Essas ilhas estão na rota dos furacões que podem aparecer entre agosto e início de novembro.

Eu já estive lá em agosto e foi maravilhoso. A recomendação é evitar o mês de setembro até meados de outubro, época em que muitos hotéis e restaurantes de Anguilla fecham. Adorei ir para lá no final de maio/início de junho em 2016! Pegamos dias lindíssimos de sol. Pela manhã costuma estar um pouco nublado, mas depois o tempo abre. Dos quatro dias que ficamos em Anguilla pegamos apenas um dia inteiro nublado. Já na viagem de 2017, que foi no início de maio, pegamos o tempo bastante instável nos dois primeiros dias (nuvens, chuva e muito vento). Depois pegamos dias lindos de sol, mas ainda com vento e alguns momentos nublados. Entre meados de abril e início de maio, por causa da mudança de estação, o clima fica muito instável no Caribe.

A temperatura da água do mar é morninha principalmente de abril a novembro.

DCIM354GOPRO

Flores em Meads Bay

 

Quantos dias 

É possível conhecer Anguilla até mesmo em um bate e volta a partir de St. Maarten, pois há vários horários de ferry regular, além do percurso ser curto (cerca de 25 minutos). Não se esqueça de levar o passaporte!

Mas, sinceramente, para curtir um pouco do clima da ilha, descansar e aproveitar as várias praias maravilhosas sem correria e os bons restaurantes,  recomendo no mínimo quatro noites. Mas se você tiver mais tempo, pode ficar até 8/10 noites, pois há muitas praias e ilhotas paradisíacas ao redor de Anguilla.

Na nossa última viagem para lá (maio/17) ficamos 8 noites e eu confesso que queria mais!

DCIM353GOPRO

Shoal Bay East, a praia do hotel Zemi Beach House

Onde se hospedar 

Em maio/2016 nós nos hospedamos, a convite, por quatro noites no espetacular  Hotel Zemi Beach House Resort & Spa, localizado na praia mais linda de Anguilla, a Shoal Bay East.

O hotel foi inaugurado no início de 2016  é muito charmoso e confortável, além de ser pé na areia e ter uma ótima infraestrutura de praia (espreguiçadeiras, barracas, serviço de bar) e várias piscinas.

Em maio/2017 nós dividimos a hospedagem em dois hotéis que ficam em lados opostos da ilha : foram quatro noites no recém inagurado The Reef by CuisinArt localizado no lado oeste de Anguilla e quatro noites no Hotel Zemi Beach House Resort & Spa, que fica no lado leste. Para ler a matéria com todos os detalhes do Zemi Beach House acesse aqui e para fazer cotação clique aqui.

A minha dica  é justamente dividir a estadia entre algum dos hotéis do lado oeste (Cap Juluca, Four Seasons, The Reef, CuisinArt, Malliouhana, Frangipani) e um hotel no lado leste, onde fica a praia mais linda da ilha, a Shoal Bay East – por lá super indico o Zemi Beach House.

Achei muito legal fazer duas bases em Anguilla justamente porque a maior parte das praias (Maundays Bay, Barneys Bay, Meads bay, Rendezvous Bay), restaurantes e hotéis ficam no lado oeste da ilha. Mas acho imperdível passar algumas noites no Zemi Beach porque o hotel é incrível, super bonito, com ótimo atendimento e estrutura (o spa e as piscinas são lindos), além de ficar nas areias da Shoal Bay East.

DCIM353GOPRO

Zemi Beach House Resort & Spa

DCIM354GOPRO

Zemi Beach House Resort & Spa

DSC_4330

Zemi Beach House Resort & Spa

DSC_4269

Zemi Beach House Resort & Spa

vista no nosso quarto no Hotel The Reef by CuisinArt

vista no nosso quarto no Hotel The Reef by CuisinArt

Piscina do Hotel The Reef by CuisinArt

Praia do hotel The Reef by CuisinArt

Hotel CuisinArt Resort – hóspedes do The Reef podem usar a estrutura dos 2 hotéis.

Rendezvous Bay – Praia do Hotel CuisinArt Resort – hóspedes do The Reef podem usar a estrutura dos 2 hotéis.

Hotel CuisinArt Resort – hóspedes do The Reef podem usar a estrutura dos 2 hotéis.

 

Como circular 

A melhor forma de circular em Anguilla é alugando um carro. Nós alugamos na locadora Junie’ s. Foi o concierge do nosso hotel Zemi Beach House Resort & Spa que providenciou o aluguel (valor 35,00 dólares por dia + 5,00 dólares por dia de seguro + 15,00 dólares de taxa “licença para dirigir” válida por todo o período do aluguel – se for um dia ou 5 dias, só paga 15,00 dólares) para explorar a ilha.

Essa locadora fica bem pertinho do ferry de Anguilla, mas eles entregaram o carro no nosso hotel. Como táxi na ilha é caro se comparado ao valor da diária do carro, o ideal seria pegar o carro logo na chegada no porto e devolver na saída da ilha.

Relembrando que, por se tratar de território britânico, a ilha adota o sistema de mão inglesa. É preciso ter bastante atenção ao dirigir.

Além disso, tenha um bom mapa em mãos ou baixe pela internet em sites como o Maps.me, pois a ilha é mal sinalizada. Há poucas placas indicando as praias etc.

caiaque na Shoal Bay East – hotel Zemi Beach

 

Moeda e idioma

A moeda oficial da ilha é o Dólar das Caraíbas Orientais, mas não se preocupe porque absolutamente tudo pode ser pago em dólar americano. Os preços do cardápios dos restaurantes e serviços dos hotéis são sempre em dólar americano. Apenas no mercado da ilha (o Best Buy) os preços nas gôndolas são na moeda local, mas no caixa você paga tudo em dólar americano.

O idioma oficial é o inglês (mas muitas vezes é difícil entender o que eles falam rs!).

Meads Bay vista do hotel Malliouhana

Fuso 

Anguilla tem o fuso de 1h a menos que o Brasil.

Hotel Four Seasons Anguilla

Melhores praias 

Anguilla é uma ilha relativamente pequena e plana, mas tem muitas praias lindas. Vou falar um pouco aqui sobre as principais:

  • Shoal Bay East – essa é a praia mais bonita da ilha, onde está localizado o hotel  Zemi Beach House Resort & Spa. Conhecemos essa praia em agosto/09 quando fizemos um daytrip de St. Martin para Anguilla. Fiquei chocada com a beleza!! Com certeza uma das cinco mais bonitas que conheço. Então, imagina a minha felicidade com o convite de voltar a essa ilha com praias paradisíacas para me hospedar no Hotel Zemi Beach, um hotel novinho, com uma piscina de borda infinita maravilhosa nas areias da Shoal Bay East? Essa praia tem o mar super azul com partes em cor esmeralda, areia branquinha e é uma delícia para dar uma boa caminhada. Há alguns restaurantes/bares ao longo da praia. Mas a melhor opção é se hospedar no Zemi Beach e contar com toda a estrutura maravilhosa do hotel que disponibiliza caiaque, stand up, máscara e snorkel aos hóspedes, além da piscina na areia da praia e serviço de bar e restaurante.

 

DCIM353GOPRO

DCIM353GOPRO

DCIM353GOPRO

DCIM353GOPRO

DCIM353GOPRO

  • Little Bay – essa enseada cercada por falésias é belíssima! É possível chegar de barco e caiaque a partir de Crocus Bay ou por uma trilha por cima das falésias. Nós fizemos por trilha, mas não há qualquer tipo de indicação ou sinalização. Seguimos de carro até Crocus Bay e, de lá, com um mapa da ilha em mãos, seguimos até a região próxima da Little Bay. Chegando no Ani Villas, vire à esquerda até um local em que não é possível mais seguir de carro (há uma corrente impedindo a passagem). Estacionamos o carro em frente à corrente e seguimos cerca de 5 minutos a pé até um mirante de onde se tem a vista da praia. É possível descer pelas pedras até a praia. Meu marido desceu, mas eu acabei ficando com um certo medo e não desci. Mas não era muito difícil, as pedras formam quase que uma escada, facilitando a descida até a areia. Também passamos pela Little Bay de barco quando fizemos o passeio com a Calypso. Há uma pedra no meio do mar de onde as pessoas (corajosas) pulam! Claro que meu marido encarou!

 

DCIM354GOPRO

DSC_4460

DSC_4472

DSC_4443

  • Meads Bay – Essa praia paradisíaca tem uma enorme faixa de areia branquinha. Caminhe até o canto direito onde tem uma enseadinha super gostosa. Nós estacionamos o carro perto do hotel Carimar. Ao longo da praia tem alguns restaurantes, dentre eles Jacala, Straw Hat e Blanchards. No topo da falésia no canto direito da praia está o charmoso hotel Malliouhana (de onde se tem uma vista incrível da Meads Bay). Do outro lado, no canto esquerdo, está o Four Seasons.

 

DCIM354GOPRO

DCIM354GOPRO

DCIM354GOPRO

DCIM354GOPRO

  • Long Bay – Não chegamos a parar nessa praia, mas já vi foto linda!

 

  • Barneys Bay – essa praia fica ao lado da Meads Bay. É onde estão o restaurante Mango`s e o belíssimo resort Four Seasons.

 

DSC_4529

DSC_4531

  • Shoal Bay West – Essa praia é bonita, como todas da ilha, mas não se compara a Shoal Bay East onde fica o Hotel Zemi Beach House Resort & Spa.

 

  •  Maunday`s Bay – Essa praia tem uma cor de água super azul! É onde ficar o resort Cap Juluca, que ocupa a praia de ponta a ponta, mas não é exclusiva do hotel, podendo ser frequentada por não hóspedes. O melhor acesso é pela ponta esquerda da praia. Basta avisar na guarita do hotel que você quer ir a praia. Há um estacionamento no local (dentro do hotel).

 

  • Rendezvous Bay – Essa praia é muito linda!!! É onde fica o resort CuisinArt. Como nos hospedamos no The Reef que pertence ao CuisinArt (ambos hotéis ficam dentro do mesmo completo), pudemos usar toda a estrutura e praia dos dois. O cantor Bankie Banx toca às  quartas à noite e domingos à tarde no bar pé na areia Dune Preserve, no final da praia de Rendezvous, ao lado do CuisinArt.

 

 

  • Sandy Ground – é daqui que sai o barco até a Sandy Island, um banco de areia no meio do mar com um restaurante. Basta chegar no bar Johnno`s em Sandy Ground e pedir para eles ligarem para a Sandy Island  para o barco vir te pegar. São apenas dez minutos de barco até a ilhota. Nós já chegamos lá por volta das 15h30, meio tarde, pois o último barquinho de volta era às 16h30. O ideal era chegar mais cedo, até para pegar o sol bem no alto, pois a cor do mar fica ainda mais bonita. Horário de almoço: 12h às 15h. Em Sandy Ground há vários restaurantes. Em maio/2017 passamos na Sandy Island com o passeio de barco que fizemos com a Calypso.

DCIM354GOPRO

DCIM354GOPRO

DCIM354GOPRO

DCIM355GOPRO

DCIM354GOPRO

DCIM354GOPRO

  • The Arch – esse arco de pedra sobre o mar fica na ponta West da ilha. Não é muito fácil chegar lá de carro, pois não tem qualquer sinalização e uma parte da estrada é não pavimentada. Também passamos por lá no dia do passeio de barco.

 

Ilhotas ao redor de Anguilla

Em maio/2017 fizemos um passeio em barco privativo com a empresa Calypso para explorar as belas ilhotas ao redor de Anguilla. As “cays” são espécies de banco de areia no meio do mar com restaurante. O barco sai de um portinho que fica bem perto do hotel The Reef e passa pelas praias Maunday`s Bay, Cove Bay, The Arch (uma falésia em formato de arco que fica na ponta west da ilha) e depois segue para as cays.

A sugestão seria fazer no mesmo passeio de barco Sandy Island, Prickly Pear, Dog`s island e Scilly Cay, e ainda de quebra, incluir uma passada na Little Bay.

Infelizmente justamente no dia do nosso passeio de barco o tempo estava bastante nublado. Acabamos ficando um tempo na Sandy Island, Little Bay e quando chegamos na Pricky Pear (que parece ser maravilhosa) o tempo estava bem fechado.

A empresa Calypso oferece passeios regulares e também privados como esse que fizemos (que são mais caros). O nosso durou cerca de 5h. O barco é grande e bem confortável. Há uma parte aberta e outra coberta, além de banheiro. Tínhamos um marinheiro e um ajudante a bordo. A vantagem é que a gente fica quanto tempo quiser em cada parada. Para saber valores e outros detalhes dos passeios clique aqui.

Passeio de barco privativo da Calypso (foto na Sandy Island)

Passeio de barco privativo da Calypso

Passeio de barco privativo da Calypso (foto na Sandy Island)

Passeio de barco privativo da Calypso (foto na Sandy Island)

Passeio de barco privativo da Calypso (foto na Little Bay)

Restaurantes

Anguilla tem excelentes restaurantes e como já visitamos a ilha três vezes, resolvi fazer uma matéria com os melhores restaurantes de lá. Para ler clique em : Dicas de restaurantes em Anguilla.

Vista da área externa do restaurante no Cap Juluca

Vista do Sunset Lounge no Hotel Four Seasons para a Barneys Bay

 

Dicas Gerais 

Para mais dicas sobre Anguilla recomendo o site Conexão Destinos. A Jordana, editora do site, sabe TUDO sobre a ilha.

Outro site ótimo é o Anguilla Beaches  da canadense Nori. Ela mora em Anguilla e posta dicas em tempo real.

Recomendo levar protetor solar, chapéu, roupas levas (no verão faz bastante calor), bóia para ficar bastante tempo dentro do mar morninho.

É bom levar repelente.

DCIM355GOPRO

Shoal Bay East – caiaque do hotel Zemi Beach House

 

Segurança 

Anguilla é uma ilha tranquila, mas tenha em mente que é uma ilha bem humilde. É sempre bom ter cuidado com os pertences de valor, evitando deixá-los à mostra dentro do carro ou sem vigilância nas praias.

Daqui para onde 

Nós conjugamos na mesma viagem St. Martin, St. Barth e Anguilla em dez dias, mas o ideal seria ficar mais tempo em St. Martin. Se você tiver mais tempo para seguir viagem, vale a pena conjugar esse roteiro com as ilhas virgens – Americanas e Britânicas, que também são lindíssimas, pois há um voo da cia aérea Liat de St. Maarten para Tortola. Vocês podem acessar o nosso  roteiro completo das Ilhas Virgens clicando aqui. Fizemos em viagens separadas.

Considerações finais

Resumindo, para quem tem pouco tempo, recomendo focar nas melhores praias : Shoal Bay East, Meads Bay, Maunday`s Bay, Rendezvous Bay e Little Bay.

Em maio/16 nós ficamos quatro dias inteiros em Anguilla e foi pouco. Passamos três dias fazendo as atividades disponibilizadas pelo nosso Hotel Zemi Beach House Resort & Spa (sup, caiaque, snorkel, piscinas etc) e curtindo a Shoal Bay East bem em frente ao hotel (melhor praia que conhecemos no Caribe) e alugamos o carro somente por um dia para rodar a ilha. Ficou muito corrido e saí de lá com gostinho de quero mais!

Por isso, em maio/17 voltamos para ficar 8 noites em Anguilla, sendo 4 noites no lado oeste (Hotel The Reef by CuisinArt) e 4 noites no lado leste (Hotel Zemi Beach House Resort & Spa) e foi bem melhor! Alugamos o carro por toda a nossa estadia, o que foi ótimo pois pudemos conhecer vários restaurantes e ficar mais livres para explorar a ilha que tem praias maravilhosas! Vale a pena reservar um dia para fazer um passeio de barco pelas “cays”.

Planeje a sua viagem

Se você gosta das nossas dicas, nos ajude a manter o blog fazendo as reservas pelos links indicados. Recebemos uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso!

  • Hotéis.com – Dica : usando o link do Hoteis.com você pode parcelar o pagamento dos hotéis  em até 12x sem juros.

 

  • Booking.com – confesso que minha vida de viajante mudou depois da criação do Booking.com. Acho sensacional, sou fã de carteirinha! Todas as ferramentas do site são excelentes e sempre que tive qualquer tipo de problema fui prontamente atendida pelos funcionários (existe a opção de atendentes que falam português, o que é ótimo!). Nunca tive problema de chegar em um hotel e a minha reserva não estar lá (mas fechando direto com os hotéis isso já aconteceu). Clicando aqui você pode fazer suas reservas diretamente pelo nosso blog sem custos adicionais.

 

  • Seguro Viagem –  é um dos itens mais importantes da viagem! Eu não viajo sem! Ninguém está livre de ficar doente ou sofrer um acidente durante as férias. Imagine quanto isso pode custar em um país como Suíça, Eua ou Noruega? Além disso, o seguro é obrigatório nos países membros da Comunidade Européia (Tratado de Schengen). Eu, particularmente, não tenho coragem de viajar apenas com seguros oferecidos por cartões de crédito. Aqui no blog você pode fazer a sua cotação pela Real Seguros que possui várias seguradoras conveniadas. A vantagem é que, em apenas um clique, você compara o custo x benefício de mais de 10 seguradoras. A contratação é online e você recebe a apólice por email. É possível parcelar em 6x sem juros no cartão de crédito ou ter 5% de desconto para pagamento à vista. Clique aqui para fazer a sua cotação.

 

 

  • Chip de internet para celularGraças ao chip de celular da EasySim4u nós estamos sempre conectados durante todas as nossas viagens internacionais,  mostramos tudo no snapchat (Loucosporviagem) e no InstaStories. Eu recebo o chip em casa pelos correios e no avião já coloco no celular. Muito prático!!!! Quando chego no destino só preciso ligar o celular e pronto! A internet já começa a funcionar.  Acho muito melhor do que desembarcar no destino e ainda ter que procurar por um chip, como fiz em Paris por exemplo. Já usei o chip da Easysim4u em vários países : Itália, Espanha, Suíça, Áustria etc.

    O plano para Europa é o DATA PLAN SMARTPHONE com SIM na opção de roaming 140 países.

    Os planos para países fora dos EUA e Canadá são apenas de DADOS, ou seja, não tem nem ligações e nem SMS. Para adquirir, basta acessar o  site clicando em :  EasySim4u.

 

Matérias relacionadas :

 

Você também pode gostar :

Fabi Gama
Fabi Gama: Carioca, taurina, casada, 37 anos, advogada, louca por viagem, fotografia, chocolate e pela Grécia. Conhece o calendário de feriados de cor e salteado! Já carimbou seu passaporte em 50 países e pretende conhecer muitos outros! Acompanhe as aventuras pelo instagram e snapchat @loucosporviagem.
Gostou? Compartilhe!
  • Print Friendly
  1. Paulo Silva Júnior

    Boa tarde!

    Fabi Moura tudo bem?
    Meu nome é Paulo Silva Júnior, sou de Ponte Nova – Minas Gerais. Minha cidade fica a 185 km de Belo Horizonte.
    Estou encantado com as praias em Anguilla. Lugar paradisíaco. A cor do mar me faz lembrar de San Andrés – Colômbia. Estava pesquisando como chegar em Anguilla e vi o seu blog. Na Copa Airlines vi a opção de ir Belo Horizonte x Panamá X St. Maarten. Pra quem vai desembarcar em St. Maarten é preciso visto? Eu só tenho passaporte.Você sabe me dizer se tem opções de hospedagens econômicas em Anguilla? Quanto você calcula mais ou menos uma viagem de 10 dias para Anguilla e St.Maarten ? Digo hospedagens, alimentação , passeios, ferry , táxi. Passagens aéreas não precisa incluir. Só mesmo pra ter uma noção de quanto fica uma viagem como essa.
    Parabéns pela viagens realizadas e pelo blog também!!! Abraços

    Responder
    • Oi Paulo! Muito obrigada! brasileiros não precisam de visto nem para St. Maarten nem para Anguilla. Se no voo da Copa você precisar pernoitar no Panama você tem que apresentar o certificado da vacinação da febre amarela. Mas as ilhas ainda não estão exigindo isso. Eu não tenho um valor aproximado para te passar, isso varia muuuuuuito! Depende do tipo de hotel e restaurantes. Os hoteis em regra sao caros e eu não conheço hospedagens mais em conta, você teria que dar uma pesquisada. O aluguel do carro sai 40 dolares pos dia, o ferry st maarten/anguilla custa 65 dolares por trecho (na volta ainda tem 28 dolares de taxa), vc consegue comer pizza por 20 dolares em restaurante e prato principal custa uma media de 25 a 40 dolares. beijos

      Responder
Deixe seu comentário: